China proíbe Windows 8 em novos computadores do governo e vai apoiar Linux

windows-8-786x305

Em abril, a Microsoft interrompeu o suporte oficial ao Windows XP: ou seja, a empresa não vai corrigir falhas de segurança nem fornecer atualizações. Isso atingiu em especial a China, onde mais da metade dos PCs ainda roda o sistema lançado em 2001.

Para evitar que a história se repita, o país resolveu agir duramente: novos computadores do governo não poderão rodar Windows 8. Em vez dele, a China vai desenvolver uma variante própria do Linux.

Segundo a agência estatal Xinhua, o Centro de Compras do Governo declarou que todos os desktops, laptops e tablet PCs adquiridos por órgãos públicos deverão rodar um sistema que não seja o Windows 8.

Por enquanto, ainda não há um substituto completo para o Windows. Existem diversas variantes chinesas do Linux, como o KylinOS e StartOS, mas elas ainda não se tornaram populares. O esforço mais famoso, o Red Flag Linux, foi abandonado no início deste ano.

A Microsoft não comenta o caso, mas informa em seu site que o suporte estendido ao Windows 8 – com hotfixes e atualizações de segurança – só acabará no início de 2023. Mas a China já declarou sua intenção de desenvolver um OS nacional, baseado em Linux, que deve avançar mais rápido após esta medida.

MAIS: China quer aproveitar fim do suporte ao Windows XP para fazer o Linux vingar

A restrição só vale para computadores novos do governo: PCs antigos não precisarão trocar de sistema, e usuários domésticos e empresariais não serão afetados, pelo menos por enquanto.

Por isso, como nota o The Next Web, isso não é uma notícia tão terrível para a Microsoft, que vem se focando no espaço corporativo: nas últimas semanas, a empresa lançou para todos o Office 365, plataforma Azure para a nuvem, e uma versão localizada do Skype.

Mas é um sinal de que a China, pouco a pouco, quer evitar que uma empresa estrangeira controle o suporte e a segurança de um OS amplamente utilizado no país. Com uma forcinha da China, este pode ser o ano do Linux nos PCs.

Fonte: The Next Web e Recode

[ads2]

Sobre o autor:

Formado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas pela UniLeão - Juazeiro do Norte-CE, Fundador do site Clube dos Geeks e criador de conteúdo para o site.

Postagens relacionadas:

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.