Desenvolvendo com Python e Eclipse

Porque estudar Python?

É uma linguagem de programação de alto nível (VHLL – Very High Level Language), criada pelo holandês Guido van Rossum

Guido van Rossum Sob o ideal “Programação de Computadores para todos”. Ideia a qual fez Python ser gratuito, código aberto, disponibilidade para rodar em Linux, Windows, Mac, Palm, em Celulares, e outras infinidades de sistemas. Uma linguagem orientada a objetos, porem permite que programe de forma procedural se desejar.  É altamente “modular” significa que provavelmente alguém já fez/parte do programa que você precisa desenvolver, economizando tempo. Grandes empresa e Universidades como Philips, Industrial Light and Magic, usa Python para controlar efeitos especiais de Star Wars, a NASA, USA, Nokia, Disney, Google, Yahoo e outros.

Simplicidade:

Ler o código de um programa em Python é semelhante como ler um texto em inglês, embora um inglês bem limitado. Este pseudo-código do Python é uma das suas grandes vantagens. Ele permite ao programador concentrar-se na solução do problema em vez de concentrar-se na linguagem propriamente dita.

Facilidade de aprender:

Python é extremamente fácil, sua sintaxe é muito simples.

Software livre:

Significa que você pode distribuir cópias, ter acesso ao código fonte , alterar, modificar, redistribuir e utilizar pedaços dele em outros programas. O software livre é baseado no conceito de uma comunidade que compartilha conhecimento. Esta é uma das razões porque o Python é tão bom. Ele foi criado e está em constante aperfeiçoamento por uma comunidade que só quer vê-lo crescer.

Linguagem de alto nível:

Você não precisa se preocupar com detalhes de baixo nível como gerenciamento de memória, etc.

Portabilidade:

Portável para diversas arquiteturas, isto significa que seu programa escrito para Linux pode facilmente rodar em Windows, FreeBSD, Macintosh, Solaris, OS/2, Amiga, AROS, AS/400, BeOS, OS/390, z/OS, Palm OS, QNX, VMS, Psion, Acorn RISC OS, VxWorks, PlayStation, Sharp Zaurus, Windows CE e até mesmo PocketPC ! Quer mais ???

Linguagem interpretada:

Um programa escrito numa linguagem que exige compilação como C ou C++ necessita ser convertido da linguagem fonte (C ou C++) para uma linguagem que o computador entenda (código binário; zeros e uns) . Isto é feito usando uma ferramenta chamada compilador. Python por sua vez, não precisa disto. Ele é uma linguagem interpretada, assim o código de um programa Python é lido e executado pelo interpretador Python sem necessitar de compilação. Isto torna seus códigos portáveis. Assim basta copiar seu código para outra arquitetura e executá-lo, praticamente sem modificação nenhuma.

Orientação a objetos:

Python suporta tanto a programação orientada a função quanto a programação orientada a objetos. Em linguagens de programação orientadas a função o programa é construído em torno de funções que nada mais são que pedaços de código reutilizável. Em linguagens de programação orientadas a objetos o programa é construído em torno de objetos os quais combinam dados e funcionalidade. Python tem uma maneira poderosa porém simples de implementar a orientação a objetos, especialmente quando comparada a grandes linguagens como C++ ou Java.

Extensível:

Se você precisa que um pedaço do seu código rode bem mais rápido ou não quer que determinada parte do seu algoritmo seja código livre, você pode codificar esta parte em C ou C++ e usá-la em seu programa Python.

Pode ser embutido:

Você pode embutir Python em seus programas C/C++ para oferecer características de scripting aos usuários de seu programa.

Muitas bibliotecas:

A biblioteca padrão do Python é enorme. Elas podem ajudá-lo a fazer várias coisas como trabalhar com expressões regulares, banco de dados, navegadores, CGI, ftp, email, XML, XML-RPC, HTML, arquivos WAV, criptografia, GUI (interfaces gráficas), Tk, gerar documentação, threading, etc. Além da biblioteca padrão existem outras bibliotecas de alto nível como wxPython, Twisted, Python Imaging Library e muitas outras.

Então Mão no Teclado.

Passo 1:

Durante o procedimento deve está conectado a internet, abra a IDE Eclipse:

1

Abrirá uma nova janela, clique  no Botão Add…

2

Abrira outra janela e informe: Name: Python; Location: http://pydev.org/update/

2.12.2

Clique em OK.

Selecione os dois itens e Next;

3

Conclua toda a instalação e aceite os termos.

Passo 2:

New/Project…

4

Na janela que foi aberta, navegue até PyDev e escolha a opção PyDevProject.

5

Na janela que foi aberta configure da seguinte forma:

Project name: Python_1

Na caixa de seleção Use default desmarque e escolha o lugar onde você deseja salvar seus códigos python

Grammar Version, escolha 3.0 ou a maior disponível.

Interpreter, escolha python

e por fim selecione Creat ‘src’ folder and add in to the PYTHONPATH

6

Clique com o botão direito do mouse em cima do projeto criado, Python_1/New/PyDev Package

7

De um nome ao pacote:

Source Folde: /Python_1/src

Name: python

8

Na class que foi automaticamente criada digite o seguinte código:

Quando executar o código escolha a seguinte opção caso solicite:

9

Esse é o nosso Olá Mundo em Python, espero que gostem, em breve estarei postando uma aplicação com interface.

Até a próxima.

Links: Pythonology Python Brasil

Sobre o autor:

Servo de DEUS, Pós-Graduando em Docência do Ensino Superior - IDJ/UVA, Graduando em Automação Industrial - IFCE, Tecnólogo em Analise e Desenvolvimento de Sistemas - FALS, casado com a mulher mais maravilhosa, Tamires Alencar e amante Java, Games, Eletrônica, Robótica, Violão, Aviação...

Uma resposta

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.